24 Horas – 7×01 – Day 7: 8:00 AM – 9:00 AM

Publicado: 15 de janeiro de 2009 em 24 Horas
Tags:, , , , , , , , ,

Exibido em 11.01.2009 na Fox

Redemption, o filme, prometeu algumas linhas de histórias; e a série, na sua definitiva estreia da sétima temporada, as entrega bem. A principal, claro, é a de Jack Bauer ser indiciado pelos abusos que cometeu nas investigações que conduziu ao longo dos anos. Ele só não é indiciado formalmente porque é requisitado pelo FBI ainda nas primeiras indagações do inquérito sobre violação dos direitos humanos.

Essa agência do governo americano parece que será o “lar” de Bauer dessa vez, visto que a UCT não existe mais. É de se notar que desativar um órgão tão poderoso e concentrador de informações na verdade seria um tiro no pé, mas devemos entender que a série precisava mudar de ares. A UCT tudo podia e tudo sabia e de certo modo a vida de seus agentes era pra lá de fácil e, para a narrativa da série, um poderoso facilitador das tramas. Quem sabe agora as soluções sejam mais difíceis.

A agente do FBI Renee Walker conduz Jack ao escritório de Los Angeles e expõe uma situação inusitada: Tony Almeida está vivo e no comando de uma atividade ilícita: invasão, através de um dispositivo CIP, de um firewall vital para os EUA. Ok, tanto Bauer como os que acompanham a série viram Almeida morrer. Por enquanto, foi revelado que ele foi socorrido depois. Os produtores prometem que a explicação será bem plausível. Veremos.

No lado político da série uma crise começa a se instalar. Aquele ditador do país fictício Sangala, visto em Redemption, já dizimou milhares de pessoas e a Presidente Allison Taylor decide que é hora de preparar uma invasão àquele país. O que vale destacar é que não há no momento uma ligação direta com o problema que Jack enfrenta.

Um drama em torno de Taylor é que seu filho, também visto em Redemption, está morto. Segundo investigações ele cometeu suicídio. Como sabemos que o então vilão Jonas Hodges, já pensava em silenciá-lo, fica o mistério em aberto. Acontece que quem investiga a hipótese de homicídio não é a presidente, e sim, Henry Taylor, o primeiro cavalheiro.

De volta a ação. Jack concorda em ajudar o FBI e, em pouco tempo, apenas olhando alguns documentos, descobre que um antigo informante dele e de Tony pode dar uma pista mais concreta. Renee não deixa dúvidas que eles conduzirão o interrogatório de maneira legal, sem nenhum tipo de abuso. Frente à frente com Gabriel Schecter é óbvio que este sai pela tangente e Jack, autorizado pela agente, usa de seu jeitinho meigo de conseguir as coisas. Infelizmente, o informante é alvejado por tiros vindos do lado de fora antes de dizer onde Almeida está. Não tarda e um dos elementos chaves da série surge. O telefone que toca com uma informação que move a história para um novo patamar. Nesse caso, é o próprio Tony Almeida que liga para Jack avisando que ele deve se afastar. Mistério.

Em resumo, essa estreia, entre todas, não apresentou vários elementos clássicos. Jack não matou ninguém, nenhum inocente morreu fruto de atos de terrorismo em massa, a linha de história do Presidente não está visivelmente conectada ao Jack, e até os supostos terroristas não fizeram nada demais, pois ficou a dúvida do que farão com o avião que passaram a controlar. E ação em si foi pouca.

Desde que a série passou a ter uma premiere formada por quatro episódios divididos dois a dois em dois dias consecutivos de exibição, o primeiro quarto sempre foi eletrizante. O que tivemos agora foi apenas uma insinuação do que poderemos ter na temporada, nada além disso.

Se não houvesse a garantia de mais uma hora de cão (mesmo porque essa não foi) talvez poderia ser censo comum que 24 Horas se perdeu nessa pausa forçada devido a greve dos roteiristas.

Nota desse episódio: ***

Expectativa para o próximo episódio: *****

Roteiro: Joel Surnow & Robert Cochran

Direção: Jon Cassar

Audiência:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s