True Blood – 1×02 – The First Taste

Publicado: 26 de janeiro de 2009 em True Blood
Tags:, , , , , , ,

Exibido em 14.09.2008 na HBO

Embora o titulo do episódio se refira ao primeiro gosto temos aqui a nossa segunda prova dessa série. E tal qual anteriormente, ela é muito bem apreciada e se pede mais ao final.

Continuando do ponto onde havia parado a cena em que Denise e Mack Rattray (Karina Logue e James Parks) agridem Sookie temos a estreia de uma cena de ação vampiresca na série. Com direito a sangue e brutalidade. E o fim do casalzinho.

Sookie fica gravemente ferida dos chutes que levou, inclusive não sentindo mais as pernas. Bill então morde o próprio pulso para que a telepata sugue o seu sangue. O V-Juice, como é conhecido, dá aos humanos uma recuperação rápida contra ferimentos, algo que nenhum cientista descobriu até hoje, além da elevação do libido com já sabíamos.

Em contra partida à pequena doação sanguínea, Bill chupa o sangue do ferimento que Sookie tem na testa. Não demora e ele comenta que ela tem um gosto diferente. Daí resulta o melhor momento desse episódio. Em vez de se focar nas particularidades de se descobrir como é um vampiro o que temos é a apreciação sobre uma mulher quase não humana, com sua singular telepatia.

Sookie recorda como sofre desde criança com seu poder telepático. E também como aprendeu a controlar a invasão mental em pessoas mais próximas, embora ela não o faça com os desconhecidos, mesmo quando isso a incomode.

Na verdade, conhecemos mais um pouco sobre Bill. Sookie não resiste em tirar um sarro por ele não ter as características típicas dos sanguessugas, como levitação, mudar de forma, ficar invisível etc. Enfim, ele é apenas um galã que salva mocinhas indefesas.

O enlace afetivo entre os dois caminha lentamente e com direito a fazer a corte na casa dela. Aquela velha história de puxar o saco da avó para conquistar o coração da pretendida. O interesse da matriarca, Adele (Lois Smith), é nos tempos da Guerra Civil americana, afinal, Bill tornou-se vampiro em 1865.

Na reunião familiar também está presente Tara e Jason. A amiga de Sookie, por ser negra, não resiste em perguntar se Bill tinha escravos. Um ótimo momento que valoriza toda a cena e a personagem, que com esse episódio não tornou somente bater na tecla do cômico ou na apaixonite por Jason. Já o seu primo Lafayette ainda não disse a que veio.

O outro gancho deixado da estreia, com Jason sendo acusado da morte de Maudette, teve uma desenrolar inesperado. O vídeo onde ele aparecia estrangulando a amiga tinha um fim que ele não conhecia, nem nós. Ela fingiu que tinha se asfixiado durante a transa. No desespero ele saiu correndo sem confirmar a morte. No mais, ele apenas protagonizou outra cena de sexo, agora com a garçonete Dawn Green (Lynn Collins). Mas o mistério continua, porque ela foi morta depois.

Nota desse episódio: ****

Expectativa para o próximo episódio: *****

Roteiro: Allan Ball

Direção: Scott Winant

Audiência:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s